Baleia Rossi pretende oficializar nome à Presidência da Câmara nesta quarta-feira

O deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP) espera oficializar a candidatura à Presidência da Câmara nesta quarta-feira (6) com o apoio do PT. Baleia foi escolhido pelo grupo político do atual presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para sucedê-lo e ser o principal adversário de Arthur Lira (PP-AL), candidato encampado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Baleia já foi anunciado pelo bloco de Maia como candidato em 23 de dezembro, mas ainda não houve um ato de lançamento formal. Isso porque o grupo tem articulado obter o apoio da oposição e aguarda decisão do PT. A bancada do PT se reúne hoje à tarde para tratar do assunto e um anúncio é esperado até o final do dia.

A intenção de Baleia é iniciar viagens em campanha pelo país na quinta (7). O roteiro das viagens de Baleia não está fechado, até porque também depende de uma decisão do PT e em quais estados será apoiado pela cúpula no poder local. Seu grupo enxerga como trunfo o fato de ter ao seu lado cerca de 15 governadores afiliados a partidos que estão em seu bloco. Em teoria, os mandatários estaduais trabalhariam para eleger Baleia no comando da Câmara. O número pode crescer de acordo com a posição do PT.

Lira prepara um tour nacional para conversar com os deputados em suas bases eleitorais e mira traições em partidos com bancadas rachadas.

Baleia tem o apoio de PSL, MDB, PSDB, DEM, Cidadania, PV e Rede, além da oposição, com exceção do PT e do Psol. Ambos os partidos ainda discutem a adesão a Baleia. Se realmente ficarem com ele, a estimativa é que o bloco conte com cerca de 280 deputados.

O bloco de Lira conta com PP, PL, PSD, Republicanos, Solidariedade, Patriota, Pros, PSC e Avante – o que representa cerca de 175 deputados federais. A perspectiva do grupo é que Lira consiga votos de integrantes do PSB, PSL, PSDB, PDT, Cidadania e do DEM – neste último caso, se o MDB também realmente sair com candidato próprio à Presidência do Senado.

UOL/Foto Flickr Baleia Rossi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *