Comissão especial já recebeu 1.000 denúncias de desvios de vacinas anticovid

O deputado Michele Caputo (PSDB reiterou nesta segunda-feira, 17, a acertada decisão da Assembleia Legislativa em criar a comissão especial de inquérito para apurar possíveis irregularidades na ordem de vacinação contra a covid-19. “A criação dessa comissão foi um grande acerto, está apurando as denúncias de desvios de vacinas, para que de fato o grupo prioritário sejam imunizados sem prejuízos”, disse Caputo.

A comissão aprovou um requerimento de diligência para a cidade de Apucarana, outro encaminhado à prefeitura de Londrina é sobre a troca de vacinas que teria ocorrido entre aquela cidade com Curitiba e um pedido de informação para a prefeitura de Curitiba. 

Nesta semana serão levantadas as diligências nas cidades de Apucarana e Umuarama. A diligência em Umuarama estava prevista para ser realizada na semana passada, no entanto, teve que ser adiada e provavelmente acontecerá junto com Apucarana, que deve ocorrer entre quinta-feira (20) e sexta-feira (21).

Michele Caputo afirma que a situação em Umuarama é muito grave e que é preciso verificar. O presidente da comissão, deputado Delegado Francischini (PSL),  relatou que recebeu informações graves sobre o esquema na cidade. “A comissão levantou que já estamos com mais de mil denúncias, algumas gravíssimas, próximas de crimes para serem investigadas pela polícia. Por trás disso há muito interesse, gente querendo lucrar com o imunizante contra a covid-19”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *