Em Guarapuava, Ney Leprevost destaca ações para gerar empregos

A instalação de novos postos avançados das Agências do Trabalhador no Interior, as parcerias com as empresas para oferta de empregos, o programa Carretas do Conhecimento, unidade móvel que leva às cidades cursos de capacitação profissional, e uma série de outras ações da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho foram apresentadas nesta quinta-feira (2), em Guarapuava, para os gestores municipais da região. O evento fez parte do programa de interiorização dos serviços da pasta.

Técnicos da Secretaria, representantes dos municípios e a comunidade debateram os programas e as possibilidades de implantação na região. Participaram da etapa 36 municípios das regiões de Guarapuava, Irati e União da Vitória. O encontro também tratou da adesão de novos municípios ao programa Nossa Gente Paraná, destinado ao atendimento e promoção de famílias e indivíduos por meio da oferta de um conjunto de ações intersetoriais.

“É importante integrar as pessoas que fazem o atendimento de ponta nos municípios, com a estrutura de funcionamento da Secretaria”, afirmou o secretário de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost.

Ele explicou que o programa de interiorização deveria ter iniciado no primeiro trimestre de 2020, mas teve que ser adiado devido à pandemia. “Sabemos o quanto foi difícil esse período para o setor produtivo. Mas lembremos que sempre em períodos após calamidades, guerras e pandemias, o mundo teve grande desenvolvimento e essa é a nossa esperança”, afirmou Leprevost.

Empresários da região também participaram para debater parcerias na área de ofertas de vagas de emprego, através das Agências do Trabalhador, e também na formação de mão de obra, com o programa Carretas do Conhecimento. “Os setores comercial e industrial estão aqui reunidos para discutir esses assuntos. Todos aqui, certamente, estão percebendo as transformações pelas quais a nossa cidade vem passando nos últimos tempos”, disse a presidente da Associação Comercial de Guarapuava, Elaine Scartezini Soares de Meirelles.

Além da área de emprego, a interiorização envolve programas e projetos das áreas de assistência social, proteção à mulher, com o Ônibus Lilás, e da criança e do adolescente, com a Força-Tarefa Infância Segura. “O Governo do Paraná tem nos auxiliado em tudo, temos as portas abertas em Curitiba, reflexo nas ações desenvolvidas aqui na cidade. Guarapuava tem vivido um momento de desenvolvimento, graças a ações como essas”, disse o vice-prefeito de Guarapuava, Samuel Ribas de Abreu.

Nessa etapa houve a adesão de 39 municípios aos programas da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho: Guarapuava, Bituruna, Boa Ventura de São Roque, Campina do Simão, Candói, Cantagalo, Cruz Machado, Fernandes Pinheiro, Foz do Jordão, General Carneiro, Goioxin, Guamiranga, Antônio Olinto, Inácio Martins, Irati, Laranjal, Mallet, Marquinho, Palmital, Paula Freitas, Paulo Frontin, Pinhão, Pitanga, Porto Vitória, Prudentópolis, Rebouças, Reserva do Iguaçu, Rio Azul, Rio Bonito do Iguaçu, Santa Maria do Oeste, São Mateus do Sul, Teixeira Soares, Turvo, União da Vitória, Virmond, Laranjeiras do Sul, Porto Barreiro, Porto Vitória e Nova Tebas.

Foto: Sejuf/AEN