Equipes do SESI são finalistas do maior prêmio de inovação da robótica

Foto- divulgação

Três equipes brasileiras estão entre os finalistas do Global Innovation Awards (GIA), maior prêmio de inovação da robótica educacional. Na categoria da FIRST LEGO League Challenge (FLL), concorrem a SESI Big Bang, de Birigui (SP) – formada apenas por meninas! –, e a SESI Biotech, de Barra Bonita (SP). 

Pela FIRST Robotics Competition (FRC), é a Megazord 7563, do SESI/SENAI de Jundiaí (SP), que representa o Brasil. Cerca de 110 países participaram da seleção dos 20 finalistas de cada categoria, que foram anunciados no canal oficial da FIRST. Em razão da pandemia, a competição segue on-line, com anúncio dos vencedores no dia 30 de junho também no canal da FIRST no YouTube.

Considerado o maior reconhecimento da robótica no quesito inovação, o prêmio destaca as melhores soluções para problemas do mundo real, dentro do tema definido para a temporada, que neste ano está relacionado à prática de atividades físicas. As propostas precisam demonstrar originalidade e viabilidade.

Conheça os projetos finalistas FLL do GIA

A equipe SESI Biotech apresentou o projeto Move Bag, uma mochila que, com elásticos e pequenos adereços, possibilita uma grande variação de exercícios. Segundo os estudantes, os benefícios para quem a utiliza são físicos, psicológicos e fisiológicos, melhorando a disposição e a qualidade de vida. Além de multifuncional, a mochila é sustentável, já que é feita de materiais reaproveitados.

Compõem a SESI Biotech os estudantes: Laura Mariano, 15 anos; Lucas Fernandes Castilho, 14 anos; Bruno Roberto Papili Pagini, 14 anos; João Gabriel de Azevedo, 14 anos; Kamily Aparecida Biega Costa, 14 anos; e Arthur Pereira de Almeida Baade, 12 anos.

á a equipe de Birigui, a SESI Big Bang apresentou o Figlove, uma faixa inovadora utilizada na palma da mão, capaz de reduzir ou minimizar as dores das pessoas durante a prática do exercício, possibilitando maior tempo e intensidade na atividade.

Competem pela equipe: Ana Laura Araujo dos Santos, 14 anos; Ana Sofia Adão, 15 anos; Graziela Martins Polatto, 13 anos; Lara de Souza Santana, 14 anos; Leticia Vargas Frandsen, 13 anos; e Sthefany Thaynara Moroni, 14 anos.

Representante da FRC: robô personal trainer

A Megazord, que concorreu com outros 883 times, apresentou o Personal Robot. O robô compacto utiliza inteligência artificial para auxiliar a prática esportiva. Além de incentivar, ele apresenta treinos específicos e verifica se os movimentos da pessoa estão corretos.

Agencia de Notícias CNI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *