Francisco Beltrão organiza testagem em massa

Vista parcial de Francisco Beltrão- Foto: Ivo Pegorato/JdeB

A partir desta quinta-feira (17), a prefeitura de Francisco Beltrão, oferece à população a possibilidade de fazer um teste rápido (do tipo antígeno) para detecção do coronavírus. Qualquer morador da cidade que tenha entre 18 e 59 anos de idade pode procurar uma das barracas que foram montadas no Calçadão para a realização dos exames. O atendimento será feito de segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 17h, e, aos sábados, das 8h30 às 11h30. O resultado sai em 15 minutos. De acordo com a prefeitura, foram comprados 5 mil testes rápidos, mas há possibilidade de adquirir mais, a depender da participação da população. A cidade tem mais de 90 mil habitantes. As informações são da Gazeta do Povo.

Para o prefeito da cidade, Cleber Fontana (PSDB), a ideia é fazer “testagem em massa”. “O nosso objetivo é testar o maior número possível de pessoas, mesmo as assintomáticas, pois o quanto antes detectarmos pessoas positivadas, mais rapidamente serão colocadas em isolamento para que possam receber o tratamento necessário, além de evitar que outras pessoas sejam contaminadas”, disse ele.

Fontana explica ainda que a pessoa que testar positivo e estiver assintomática “receberá todas as orientações e iniciará o isolamento social em casa”. “Se estiver com os sintomas, será encaminhada para a UPA ou uma unidade de saúde onde será orientada e terá acesso ao receituário de medicamentos, se houver necessidade”, informou.

De acordo com a prefeitura, a faixa etária entre 18 e 59 anos concentra hoje o maior número de casos de infecção. Desde o início da pandemia até agora, 14.356 pessoas foram infectadas e a cidade registrou 214 mortes. Os números constam no boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) desta terça-feira (15). Pelos números do “vacinômetro do SUS”, consultados pela reportagem nesta quarta-feira (16), a cidade recebeu da Sesa um total de 45.111 doses de imunizantes contra a Covid-19 e aplicou 38.863. A relação entre doses recebidas/aplicadas fica em 86,1%, desempenho considerado “bom” pelo SUS (acima de 85%).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *