Governo federal vai reduzir pela metade os beneficiários do auxílio emergencial

Um pente-fino do governo federal feito nos últimos 11 meses reduziu pela metade os beneficiários do auxílio emergencial, totalizando 33 milhões de brasileiros, incluindo 14 milhões que estão no Bolsa Família. As informações são da colunista Ana Flor, do G1.

No início do programa, mais de 65 milhões de pessoas foram beneficiadas pelo auxílio emergencial. O cruzamento foi feito pelas secretarias de Governo Digital e de Previdência e Trabalho a partir de 11 bases de dados, como os do Caged, INSS e MEI, através do CPF das pessoas. Segundo Ana Flor, o novo banco de dados pode também aprimorar o Bolsa Família. O governo negocia junto com o Congresso pagar o benefício em quatro parcelas de R$ 250, a partir de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *