Prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, pede a ministro da saúde barreiras sanitárias e vacinação em massa na fronteira

O prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro (PSD), pediu, na segunda-feira (14), ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a vacinação em massa contra a Covid-19 e a instalação de barreiras sanitárias para os municípios das fronteiras do Brasil.

Brasileiro é vice-presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e representou as cidades transfronteiriças durante a reunião online com o ministro. Prefeitos de municípios aeroportuários também participaram do encontro.

De acordo com o prefeito, há uma urgência para criar um controle nos municípios que fazem fronteira com outros países, como Foz do Iguaçu, para evitar a entrada de novas variantes do novo coronavírus.

Segundo Brasileiro, o ministro da Saúde disse que levará o pedido da vacinação ao comitê do Plano Nacional de Imunização.

Sobre o controle das fronteiras, Queiroga informou ao gestor que também compartilhará a solicitação com a Casa Civil e os ministérios da Justiça e da Infraestrutura, pois a decisão não sabe apenas ao Ministério da Saúde.

Até o momento, não houve nenhuma data definida para o retorno do governo federal sobre as solicitações.

Casos de Covid-19

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, até a segunda (14), Foz do Iguaçu registrou 39.020 casos confirmados do novo coronavírus e 963 mortes pela Covid-19.

A cidade conta com 562 casos ativos, e a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid do Hospital Municipal permanece lotada.

Foto: Christian Rizzi/ PMFI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *