Feito no Paraná: iniciativa do governo estimula o consumo de produtos locais

Governo do Estado tem plataforma exclusiva para apoiar os negócios e incentivar consumo local: é o Feito no Paraná. Foto: Jorge Ogura/ divulgação

Entre agosto e novembro do ano passado, o crescimento da produção industrial do Paraná foi de 7,7%, segundo o IBGE. São cinco pontos percentuais acima da média dos 15 estados analisados no levantamento. As perspectivas para este ano seguem otimistas: somente em fevereiro, a produção industrial cresceu 3,1% em comparação ao mesmo período de 2020.

Mais do que bons índices, o Paraná é reconhecido pela qualidade em tudo o que faz. No agronegócio, na indústria, no comércio e nos serviços a produção estadual também é chancelada pelo programa Feito no Paraná. A iniciativa do Governo do Estado, lançada no segundo semestre de 2020, tem fomentado novos negócios e estimulado o consumo de produtos locais.

A seguir, conheça cinco motivos para apostar em tudo o que é Feito no Paraná.

1. Há mais empregos para todos.

Com o aumento no consumo de produtos feitos no estado, 71% dos municípios registraram saldo positivo de empregos em 2020. E as oportunidades não param de surgir: de acordo com o Caged, só em janeiro e fevereiro de 2021 o Paraná contabilizou 65.958 novos postos de trabalho. No segundo mês deste ano, 85% dos municípios registraram saldo positivo de vagas.

2. A renda é distribuída dentro do estado.

Você sabia que o Paraná tem o maior piso salarial do país? Com salários mínimos que variam entre R$ 1.467,40 e R$ 1.696,20, há valorização da nossa força de trabalho e mais dinheiro movimentando a economia. Para as empresas, o consumo local abre oportunidades de investimento. Quem sonha em empreender consegue formalizar um CNPJ em apenas um dia – não é por acaso que 159.398 empresas foram abertas por aqui em 2020.

3. O que é feito no Paraná é referência.

Com uma produção rural intensa e diversificada, o Paraná foi o terceiro estado que mais exportou na agropecuária em 2020, com US$ 13,29 bilhões em produtos conquistando outros mercados. Somos referência na exportação de soja, que respondeu por quase metade de todas as cargas embarcadas ao longo do ano – o equivalente a US$ 6,05 bilhões, segundo dados da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento (Seab).

4. Consumo de produtos feitos por pessoas como você.

Sabe o que o pão de fermentação natural entregue na sua casa e o pão francês da padaria têm em comum? Eles são feitos com os mesmos insumos, que vêm da nossa terra e são transformados pelas mãos habilidosas de paranaenses como você. Pessoas que decidiram empreender, ou que conquistaram uma vaga de emprego mesmo em tempos desafiadores. Quando você consome um produto do programa Feito no Paraná, contribui para que o pão chegue à mesa de todos.

5. O que é feito no Paraná tem identidade.

Quando o Governo do Estado lançou o programa Feito no Paraná, o principal objetivo era reunir esforços para uma retomada econômica crescente e duradoura. Mas o programa representa, também, a identidade do nosso estado: terra fértil para os negócios e para as pessoas.

Conheça o Feito no Paraná, cadastre o seu negócio e conheça os produtos regionais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *