Homens se unem pelo fim da violência contra as mulheres

O dia 6 de dezembro marca a campanha do Laço Branco, uma ação mundial à promoção do envolvimento dos homens no combate a violência contra a mulher. A iniciativa envolve mais de 50 países de todos os continentes num dos maiores movimentos mundiais em defesa da mulher, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).

Para reforçar a importância da data, a Assessoria de Direitos Humanos – Políticas para Mulheres de Curitiba, lança a Cartilha da Masculinidade Consciente, que visa a desconstruir a cultura e o discurso ideológico machista que mantém e reproduz relações de dominação que potencializam a desigualdade, a violência e a discriminação.

“Os índices mostram que os homens são os que mais cometem agressão contra as mulheres. Por isso, é importante que eles se engajem na luta pelo fim da violência contra as mulheres e é nosso dever, como poder público, promover ações para que isso ocorra”, ressalta a assessora de Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres, Elenice Malzoni.

Homens e mulheres que trabalham na Casa da Mulher Brasileira, aderiram ao movimento e durante todo o usam um laço branco reforçando a importância do engajamento masculino na causa. Funcionários públicos de outros departamentos também participam da campanha, que tem o objetivo de sensibilizar, envolver e mobilizar os homens no engajamento pelo fim da violência contra a mulher.

Foto: Daniel Castellano / SMCS