Votação do Código Eleitoral fica para a próxima semana

Reunião do Colégio de Líderes com o presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL) definiu, no início da tarde, transferir para a próxima semana a votação do Código Eleitoral, cujo regime de urgência foi aprovado no plenário por 322 votos a 139.

O projeto do Código Eleitoral consolida num único texto diversas resoluções da Justiça Eleitoral e propostas que envolvem o processo eleitoral.

Para que ele tenha validade para as próximas eleições, devem ser votadas até 3 de outubro pelas duas Casas do Congresso, de acordo com o princípio da anualidade.

Lira já havia anunciado que, nesta quinta, os deputados poderiam votar o código. Entretanto, com o adiamento dos destaques da proposta do Imposto de Renda, ficou acertado que a proposta vai ser votada na próxima semana.

O adiamento foi confirmado pela relatora da proposta de Código Eleitoral, deputada Margareth Coelho (PP-PI). Ela disse que o texto vai ser votado na próxima semana. “A ideia é ter um texto maduro para que possa valer para a próxima eleição”, disse, ao sair da reunião.

Diário do Poder