Leprevost faz pedido de retomada da produção de insumos para tratamento de câncer

Ney Leprevost, na condição de deputado, encaminhou expediente ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações solicitando a retomada urgente dos repasses de recursos para a produção de insumos para o tratamento de câncer com radiofármacos e radioisótopos no Brasil.

Em nota, o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares – IPEN, informou que suspendeu por prazo indeterminado a produção de radiofármacos e radioisótopos utilizados no tratamento de câncer, uma vez que o Governo Federal cortou 46% da verba do órgão em 2021 e precisa de R$ 89,7 milhões para continuar produção até dezembro.

Com a paralisação dos repasses, aproximadamente 2 milhões de brasileiros correm o risco de ter seu direito de acesso à saúde, constitucionalmente garantido, prejudicado.

“Diante dessa notícia lamentável e com consequências irreversíveis aos cidadãos que necessitam destes fármacos, fiz este pedido ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações , responsável pela área, para que tome providências urgentes”, afirmou Leprevost.

Foto: José Fernando Ogura