BRDE e Banco Europeu de Investimento consolidam parceria e anunciam apoio a pequenas e médias empresas

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e o Banco Europeu de Investimento (BEI) anunciaram na segunda-feira (22) a disponibilização de financiamento dirigido especificamente a pequenas e médias empresas (PMEs) nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul afetadas pela pandemia da Covid-19.

O novo acordo vem alterar um contrato assinado em 2018, no sentido de permitir maior flexibilidade às duas instituições e de ampliar os critérios de elegibilidade do atual empréstimo-quadro BRDE Climate Action FL, no montante de 80 milhões de euros, com o objetivo de apoiar e acelerar a concessão de empréstimos a empresas do setor privado, confrontadas com a crise da Covid-19 na América Latina, especialmente no Brasil.

Esta flexibilidade permitirá acelerar o acesso das PMEs e, em particular, das microempresas nos estados do Sul, a financiamento no montante de 15 milhões de euros – próximo de R$ 100 milhões pela cotação do dia. Essa liberação inicial será destinada para capital de giro, além da possibilidade de crédito para investimento. Trata-se da primeira ação do BEI no Brasil desde o início de 2021.

“Promover o empreendedorismo é fundamental para o crescimento sustentável, especialmente nestes tempos difíceis”, disse Ricardo Mourinho Félix, vice-presidente do BEI, respoonsável pela América Latina.

Fonte AEN

Foto: Divulgação/BRDE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *