55% dos brasileiros são contra a abertura de igrejas na pandemia

De acordo com levantamento do instituto, realizado entre 12 e 16 de abril, 55% dos brasileiros são contrários a abertura de igrejas na pandemia. Foram ouvidos 2.176 eleitores, por meio de entrevistas pessoais telefônicas, com uma margem de erro de 2%.

A Paraná Pesquisas afirma que 41% dos entrevistados discordam que as igrejas devem ficar fechadas para ajudar a conter a Covid-19, enquanto 4% não souberam responder.

No começo de abril, o Supremo Tribunal Federal, por 9 votos a 2, manteve a proibição de cultos e missas presenciais na pandemia.

Foto: EFE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *